Nas últimas semanas vim encontrando três algumas imagens entre Facebook e Instagram, que me chamaram a atenção.

Elas falam de formas diferentes sobre o mesmo tema em relacionamentos.

Sobre o casal dar-se o adequado e justo tempo de atenção um ao outro.

E também de esforço um pelo outro.

Não é fácil, mas se esforce para não deixar que a ausência e a desatenção de alguém comprometa a estima que você sente por si mesmo(a).

Dizem que devemos correr atrás do que nós querermos. Será?

Tema no qual as pessoas têm se perdido bastante nesses tempos de muitos “compromissos”.

Ninguém Vale a Pena

Adianta dar tanta prioridade para trabalho e outros assuntos, se no final das contas a gente trabalha justamente para poder ter tempo para outras coisas mais aprazíveis?

Sem racionalizações, sem desculpas

Tradução da imagem acima: Se alguém REALMENTE quer ser parte da sua vida, ele vai REALMENTE fazer o esforço para ser. Sem racionalizações, sem desculpas.

Já na imagem abaixo, traduzindo:

“Ninguém é TÃO ocupado. É tudo uma questão de prioridades.”

Super ocupado

Doutorado em Ocupação com pós-doutorado em Correria.

Nesta outra imagem que segue:

“Alguns conversam com você em seu tempo livre. Outros livram seu tempo para poder conversar com você. Aprenda essa diferença.”

Mandando no próprio tempo

Mandando no próprio tempo

E mais:

“Não perca o seu tempo com pessoas que só tem tempo para você quando não têm outra coisa pra fazer.”

Última opção

Última opção

Tem outra frase também muito conhecida:

“Quando alguém quer alguma coisa, dá um jeito. Quando não quer, dá uma desculpa.”

A Culpa Imobiliza.

Ain eu me sinto tão culpada por tudo isso…

Fundamental para manter nossa autoestima em níveis saudáveis é dar-se o próprio valor. Não aceitar migalhas de atenção.

Escolher é perder

Escolher é perder

É preciso força e coragem para escolher e eventualmente ficar com a solidão, na troca.

Pois é melhor estar sozinho dignamente, do que acompanhado apenas virtual e ilusoriamente.

Sonho que virou Pesadelo

E saber discernir os caminhos que não levam mais a lugar algum é a única forma de abrir novos caminhos.

Tem gosto pra Luxo e tem gosto pra Lixo

Acima: Por que eu ficaria chateada? Ele tinha um tesouro, mas escolheu lixo.

Abaixo: Às vezes nós nos apaixonamos por uma ideia, e não por uma pessoa.

Coisa da sua Cabeça

 

indecisão

 

Nunca foi amor

Nunca foi amor

♪ Não vou Me Adaptar ♫

♪ Não vou Me Adaptar ♫

 

Tradução livre.

(Post originalmente publicado em 09/12/2018)

Veja também

Sexo é isca

O amor não existe