É sempre surpreendente o quanto vivemos os dias atuais como se não houvesse mais nada a saber e, sem querer, aos poucos, vamos descobrindo valores antigos, perdidos ao longo dos séculos através dos primeiros significados das palavras. Estes vão aos poucos ficando de lado, na medida em que o tempo vai conferindo às palavras outros significados, quase sempre, desvirtuados.

Enfim, um pouco de observação pode nos revelar o quanto temos poderes naturais que são mal utilizados.

O que é abençoar, enfim???

Já disse aqui que um livrinho da Seicho-no-ie – A Verdade 2 – já me ensinou muito. E digo agora que já me ensinou coisas tão ou mais importantes do que aprendi em anos e anos de escola. Recentemente, relendo algumas de suas páginas, aprendi, finalmente, o que é abençoar, e não apenas isso, aprendi a importância de abençoar, e que a facilidade para abençoar não significa uma bênção fraca. Ao contrário do que sempre nos disseram, a bênção não é um dom divino e mágico acessível a poucos, ou seja, uma capacidade rara de invocar ajuda dos deuses. Na verdade, a mágica está justamente no ato em si e é acessível a qualquer um.

Veja dois trechos que encontrei no tal livro:

Abençoe seu corpo: Abençoe diariamente o seu corpo carnal. Mentalize: “Tu és corpo de Deus. Tu és sempre saudável. Tu cumpres plenamente a sua função. Eu te agradeço”

Abençoe sua família: Todas as manhãs, durante a oração, abençoe a família, dizendo as seguintes palavras: “Meu pai é flho de Deus e é bom pai. Minha mãe é filha de Deus e é uma boa mãe. Meu marido é filho de Deus e é bom marido (ou minha esposa é filha de Deus e é uma boa esposa). Meu filho é filho de Deus e é bom filho. Minha filha é filha de Deus e é boa filha. A todos, muito obrigado…” Assim dizendo, procure criar o sentimento de gratidão a toda a família.

Eu, que sempre achei que a benção era algo burocrático e deveria vir de alguém especial, dotado com dons espirituais, fiquei com aquela cisma e fui correndo pro dicionário. E a origem das palavras, mais uma vez, me disse mais do que se ouvisse cem palestras. Veja um resumo do que encontrei:

(a.ben.ço.ar) v.
1 Conceder bênção a;
3 Fazer o sinal da cruz; BENZER(-SE); PERSIGNAR(-SE);

(bên.ção) sf.
1 Ação ou resultado de abençoar ou de benzer;
[F.: Do lat. benedictio -onis.]

(so.ar) v.
3 Fig. Dar determinada impressão; PARECER;
5 Ser pronunciado.
10 Dar grandiosidade a; exaltar;

(ben.zer) v.
2 Rel. Consagrar, santificar para o culto divino;
[F.: do lat. benedicere.]

(ben.di.zer) v.td.
1 Dar glória a; declarar como bendito;
2 Dizer bem de: bendizer um gesto heroico;
5 Agradecer por uma bênção ou uma dádiva recebida: Sempre bendiz o dia em que a conheceu;
[F.: Do lat. benedicere. Ant. ger.: maldizer.]

De modo que

Abençoar significa bendizer, e bendizer significa… falar bem. Também descobri que pode-se dizer que benzimento, do ato de benzer (bendizer), e bênção, do ato de abençoar, tem a mesma origem e são, na prática, a mesma coisa. Soar bem, ou Bem dizer, nos termos de hoje, significa pronunciar com firmeza o bem que alguma coisa faz, ou deverá (deveria) fazer.

Significa falar O BEM de algo, o quanto esse algo pode e deve ser bom, mesmo apesar de na realidade as coisas não irem muito bem. As palavras de uma bênção tem muito de palavras mágicas, mesmo.

Sempre que você elogia alguém ou algo, de modo sincero, está abençoando, ou bendizendo esse alguém ou algo. Sempre que você comenta coisas boas sobre qualquer coisa, está dizendo bem, isto é, está bendizendo. Sempre que você ressalta o lado bom das coisas, está fazendo-as soar bem, isto é, está abençoando-as.

Parece simples demais para ser verdade. Mas é simples, e é verdade.

Veja que nos dois exemplos de bênçãos da seicho-no-ie citados mais acima, ambas terminam com o agradecimento. Quem costuma orar e estudou um pouco o que é orar, sabe que em vez de ficar pedindo coisas como quem diz a Deus o que ele deve fazer, deve, muito além, agradecer como se nossos pedidos já fossem reais. Como se pode ver, Gratidão, Oração, Bênçãos, Benzimentos, enfim, todas essas coisas do espírito, são palavras diversas que apontam o mesmo fim:

A fé

Ora, a fé é ofirme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não vêem.
Biblia – Hebreus 11, 1

A maldição

Consequentemente, falar mal significa amaldiçoar, (ter fé de que as coisas são mesmo ruins).

E pelo tanto que reclamamos e praguejamos as coisas no dia a dia, calcule o quanto nos amaldiçoamos, “religiosamente”, dia após dia, incansavelmente.

Distribua bênçãos à vontade

E o mais importante, não precisamos, necessariamente, possuir qualquer dote especial para abençoar, ou bendizer, ou benzer ;-) a nossa vida, a nossa saúde, o nosso trabalho, enfim… Ao contrário, é um recurso do qual dispomos à vontade.

Texto de 25 de junho de 2010.

Veja também:
O que é amor verdadeiro?
O que é perdoar?
Perdoar é…
O que significa amar?
O que é respeito?
Como desapegar
Veja outros textos sobre a seicho-no-ie