Nelson Rodrigues

Nelson Rodrigues

Uma das atitudes mais importantes, senão a mais importante, para reforçar nossa autoconfiança, é estarmos sempre do nosso lado. O sentimento de culpa, que surge quando não ficamos ao “nosso lado”, não nos ajuda em nada, pois, se prejudicamos alguém e depois entendemos que fizemos mal, a culpa não vai voltar a situação para o que era antes do ato. Ficar ao nosso lado, em situação de culpa, é ENTENDER que erramos e assumirmos a postura de quem não pretende mais errar. O entendimento, ou compreensão, fazem milagres.

Auto-recriminar-se é um dos atos mais cruéis e contraproducentes que possamos adotar por nós mesmos. Já o entendimento de que somos seres em constante aprendizado e a real consciência de querer mesmo, intimamente, crescer e evoluir, isso sim, resolve e nos coloca pra frente.

Não sou muito conhecedor da vida de Nelson Rodrigues, entretanto, recentemente, encontrei duas frases atribuídas a ele que resumem bem “o que é ficar ao nosso lado” diante de situações adversas. Veja uma delas:

Se um dia, a vida lhe der as costas… passe a mão na bunda dela!

A frase é machista, é verdade, mas convido mesmo você, leitora, a entender o conceito de se permanecer fiel às suas convições e intenções mesmo quando tudo parece estar contra nós.

A frase acima apresenta até mesmo um traço de teimosia. Perseverança, pra mim é apenas um eufemismo para teimosia. Pode-se argumentar que perseverança é quando persistimos em um ideal nobre. Bem, acho que todo teimoso considera seu argumento nobre e correto. Enfim. A idéia é seguir FIRME mesmo quando tudo vier em sentido contrário, tirando onda da vida pra vida não tirar onda de nós, como diria o malandro.

Outra frase que revela uma autoconfiança de pedra de Nelso Rodrigues é essa:

Se os fatos estiverem contra mim, azar dos fatos!

Magnífico, não? Confesso estar muito, muito distante de uma postura tão segura e desprendida assim. Mas tudo bem, estamos aqui, creio eu, justamente para aprimorarmos nossa conduta ao longo da trajetória de nossa vida e compartilho esse ponto de vista justamente porque creio que este é sim, um ótimo caminho a ser escolhido para o desenvolvimento da nossa autoconfiança: A escolha por ficar ao nosso lado por mais contrários que possam ser os ventos!