Clique aqui para imprimir

Como ser otimista - 4 dicas

Enviado em 2011-09-13 16:03:27

Sorria Sorria


Já não é novidade que ser otimista é uma maneira mais suave de viver a vida. Há quem acredite que o mundo é preponderantemente ruim e faz questão de espalhar essa crença a todos, o tempo todo. Mas, embora eu acredite que temos um certo poder para alterar nosso destino através do poder da fé e da convicção, na pior das hipóteses, caso eu esteja errado, mesmo assim, uma dose de auto-engano pode ser positiva, para aliviar esse peso todo da constatação de que a vida é dura.

Até porque, por mais ruim que possa ser a vida, atravessá-la com gente pessimista ao lado não melhora em nada a situação.

O livro A Lei da Conexão sugere quatro estratégias muito interessantes para vermos a vida de uma forma mais otimista. Estas estratégias são na verdade atitudes antigas e bem conhecidas, princípios virtuosos importantíssimos, os quais esquecemos de usar, ou nem fomos orientados para isso.

No início é sempre difícil adotar essas atitudes mentais positivas, porque ainda não foram transformadas em hábitos. É necessário que nos esforcemos no início até que tais posturas mentais se transformem em ações automáticas.

1 - Reenquadrando, ou vendo o lado bom das coisas, ou gratidão


O que o autor Michael Losier chama de reenquadramento me parece nada mais além de passar a ver o lado bom das coisas por iniciativa própria, sem esperar que outros nos incitem a isso. Reenquadrar é mudar seu ponto de vista de algum problema, passando literalmente a ver o lado bom das situações. Me parece que exercer a gratidão pelas coisas que você tem ou que lhe acontecem tem a mesma essência, que é o contínuo esforço para se enxergar o lado bom das coisas.

Por exemplo, em vez de ficar reclamando da chuva, você pode focar mentalmente o quanto as chuvas são boas para os jardins das cidades e para o fornecimento de água e para a sociedade de forma geral. O telefone não pára de tocar? Que bom que tem gente ligando e lembrando de você e da sua empresa. O telefone não tocou hoje? Que bom que enfim lhe sobrou um tempo pra descansar a mente e se concentrar em suas tarefas. Sempre há um lado bom e o seu trabalho nisso está em se esforçar para continuar focando na mente o lado bom das coisas.

Mesmo em casos extremos, sempre há uma consequência positiva de algum fato aparentemente negativo. Até a morte em alguns casos acaba sendo "positiva" no sentido de que ao menos o indivíduo parou de sofrer. Mas é claro que algumas observações devem ficar guardadas conosco para não magoarmos as pessoas.

2 - Estabelecer o ritmo futuro, ou esperar o melhor, ou esperança


Aqui ocorre o mesmo. O que o autor chama de estabelecer o ritmo futuro, nada mais é do que a conhecida virtude chamada esperança. E esperança não é considerada uma virtude à toa. Saber esperar o melhor no dia a dia alivia bastante nossa carga.

Há vários exemplos para se manifestar a esperança. "Espero que saia tudo bem". "Vai dar tudo certo!". "Logo, logo devo ser promovido(a)". "Tenho certeza que um dia vou encontrar alguém que me complete". "Torço por você!". "Vai lá, você é capaz, tenho certeza que vai conseguir o que quer". "Fique tranquilo, essa fase ruim logo passa". "Tomara que tenhamos uma ótima viagem".

Enfim, há várias formas de se esperar o melhor para si e para plantar a sementinha da esperança no coração.

3 - Instalação positiva, ou abençoar


Neste caso, o que Losier chama de instalação eu diria que é o que conhecemos como bênção. A bênção real é uma sugestão positiva e intencional a respeito de algo. São o que conhecemos como afirmações positivas. Abençoar, ou bendizer, é falar bem das coisas, e evitar falar mal delas, quando então, as estaríamos amaldiçoando, ou maldizendo.

Abençoar o que já existe é ver o lado bom dessas coisas e fatos, isto é, adotarmos uma postura de gratidão e reconhecimento diante delas e do que nos trouxeram de bom. Abençoar o que ainda está por vir, é manifestar a esperança diante do que esperamos e desejamos, isto é, manter uma expectativa positiva a respeito do futuro, profetizando como queremos que as coisas aconteçam.

Exemplos de bênçãos são "Eu sou uma pessoa de sorte e quanto mais me preparo mais sorte tenho", "Meu filho é uma criança inteligente e aprende tudo muito rápido", "Meu trabalho segue cada vez melhor e bem remunerado", "Meu patrão é filho de Deus e me trata como um filho de Deus", "Já possuo tudo o que eu preciso e o que eu vier a precisar virá ao meu encontro", "Meu comércio atende cada vez mais pessoas e cada vez melhor". "Vai dar tudo certo".

Já escrevi um texto bem completo sobre o que é bênção, sugiro a leitura.

4 - Pressuposição positiva, ou acreditar, ou confiar, ou ter fé nas coisas


Por fim, aqui também penso que o que o autor chama de pressuposição positiva seja o que conhecemos como confiança na vida, ou simplesmente fé. Fé não no sentido da crendice religiosa, e sim no sentido prático como foi ensinado originalmente por Jesus. Também já escrevi sobre uma visão mais precisa da fé aqui.

A fé é como uma mistura dos três itens anteriores. Ter fé é sentir gratidão pelo que você tem de bom, é manter a esperança por situações sempre melhores e bendizer voluntariamente tudo que lhe diz respeito, isto é, ressaltar o que as coisas têm de bom. E antes de tudo, ter fé significa acreditar, ou pressupor, segundo o livro aqui citado, que O MELHOR É POSSÍVEL. Desse modo esses poderiam ser considerados os três pilares da autêntica confiança na vida, isto é, da verdadeira fé na vida.

Ronaud Pereira

Publicado em www.ronaud.com/pensamentos/como-ser-otimista-4-dicas/