Clique aqui para imprimir

Tudo é REAÇÃO

Enviado em 2021-11-27 10:24:07

Consequências Sociais e Políticas da Reação Emocional


Tudo em política é REAÇÃO.

A feminista é feminista porque foi maltratada por homens cruéis.

O homem adere ao mgtow porque teme ver (ou já teve) seu patrimônio dilapidado por mulheres não confiáveis.

O intelectual é socialista porque não consegue a alta renda que empresários conseguem com uma fração do conhecimento dos intelectuais.

O conservador assim se porta, porque teme ver suas conquistas expropriadas por socialistas.

O progressista assim o é, porque vê seu comportamento depreciado por conservadores.

Todos os movimentos sociais são fruto de reações coletivas a algum tipo de ofensa ou prejuízo pessoal.

O poder do ressentimento


No filme Coringa, tudo começou depois d'ele ter apanhado de uns caras na rua.

Diz-se que Hitler em algum momento de sua juventude foi muito humilhado por um judeu, o que certamente contribuiu para despertar todo o seu ódio antissemita.

Marx criou toda sua teoria comunista ao observar as condições degradantes dos trabalhadores ingleses pós revolução industrial.

As relações sociais e políticas atuais funcionam à base de ressentimento.

Guerra Política?


Cuidado com as ideias que combate, você pode estar divulgando-as


Há tempos que observo este fenômeno comportamental recorrente nas relações humanas.

O fenômeno da reatividade.

O ser humano é extremamente reativo. Tipo criança pequena. Você diz sim, ela diz não. Você diz não faz, e ela quer fazer.

Esse fenômeno da reatividade é basicamente a birra se manifestando; e engana-se quem acha que birra é coisa de crianças, velhos e adultos são tão insuportavelmente - e desnecessariamente - birrentos quanto as crianças mais irrefreáveis.

No ambiente político atual isto é muito observável. Basta o presidente Bolsonaro se posicionar favoravelmente a certo tema, e a oposição, formada por políticos e grande parte da mídia, passa a militar contra o tal tema.

O oposto também ocorre, basta a oposição e correntes progressistas se manifestarem, e a reação conservadora ultrapassa muitas vezes o exagero, dando holofote pra doido.

Alguns ideólogos, em nome de uma tal "guerra política" acreditam que devemos "expor" nossos inimigos. Eu sinceramente sempre acreditei que isso é um erro. Já perdi as contas de quantas polêmicas políticas me fizeram conhecer figuras que antes só habitavam o vale das sombras do anonimato, de onde preferia que não tivessem saído.
A observação nos dias atuais me faz concordar esta outra observação, do escritor José de Alencar, feita em 1875 quando da publicação de seu livro Senhora:

A crítica, por maior que seja a sua malignidade, produz sempre um efeito útil que é de aguçar a curiosidade. O mais rigoroso censor, mau grado, seu presta homenagem ao autor, e o recomenda.

***

Textos relacionados


Desprezo, sua arma mais forte

Fala que eu te escuto, Sheherazade

Efeito Streisand

Ronaud Pereira

Publicado em www.ronaud.com/arte-de-viver/tudo-e-reacao/