Clique aqui para imprimir

Amor de penumbra

Enviado em 2014-07-17 15:29:17

Na penumbra Na penumbra


Já te amei tanto
pelos traços lindos
do teu rostinho pequeno
e pelas curvas ligeiras
do teu meio sorriso, faceiro
que ainda não acredita
que tanto amor exista

Já te amei tanto
por caminhos confusos
e pelos contornos difusos
dos teus cabelos, no escuro
da penumbra, dos encontros
dos sussurros, que se perdem
onde só me encontro

Já te amei tanto
E continuo amando
Entre gargalhadas e lágrimas
Entre o longe e o beijo
Entre o açoite e o encanto
Entre o dia e a noite
Entre... e me ame!

/ Ronaud Pereira /

***

Veja outros poemas

Ronaud Pereira

Publicado em www.ronaud.com/amor/amor-de-penumbra/