Quem é você de verdade?

Quem é você de verdade?

Vai um café? – Sem cafeína, por favor.

Com leite? (só se for sem lactose)

Mais tarde, a cerveja, sem álcool.

E a carne, de soja.

E o chocolate, sem açúcar.

Adoce, com adoçante.

Leia, sem entender.

Caminhe, sobre a esteira.

Pedale, na ergométrica.

Aprecie a paisagem, do seu fundo de tela.

Acaricie os bichos… de pelúcia.

E seja amoroso(a), com seus bichos. Em gente não se confia.

Construa sua bela casa, e cerque-a com medo dos ladrões.

Compre mais um carro, e reclame do trânsito.

Compre belas louças, mas só para as visitas.

Perca o amigo, mas não perca a piada.

Sinta o romance, das comédias românticas.

Viva a paixão, que só você sabe que existe.

Ou namore muito, a distância.

E não esqueça do sexo, virtual.

Viva a vida, sem Viver.

Viva, sua mentira.