Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil

Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil

Resenha divulgada

Existe um esquema tão repetido de se contar a história do Brasil, que basta misturar chavões, mudar datas ou nomes, e pronto. Você já pode passar em qualquer prova de história na escola.

No livro Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil, o jornalista Leandro Narloch prefere adotar uma postura diferente – que vai além dos mocinhos e bandidos tão conhecidos. Ele mesmo, logo no prefácio, avisa ao leitor: Este livro não quer ser um falso estudo acadêmico, como o daqueles estudiosos, e sim uma provocação. Uma pequena coletânea de pesquisas históricas sérias, irritantes e desagradáveis, escolhidas com o objetivo de enfurecer um bom número de cidadãos.

É verdade: esse Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil enfurecerá muitas pessoas. Porém, é também verdade que a história, assim, fica muito mais interessante e saborosa para quem a lê.

Editora: Leya
Autor: LEANDRO NARLOCH
Ano: 2009
Número de páginas: 304
Acabamento: Brochura
Formato: Médio

Minha opinião sobre o livro Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil

A ponta do iceberg - sempre uma ótima metáfora para a realidade

A ponta do iceberg – sempre uma ótima metáfora para a realidade

Pra variar com bastante atraso, estou lendo o Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil.

Talvez o livro tenha vários exageros, mas muito do que está ali é de uma razoabilidade desconcertante.

O autor, Leandro Narloch, escreve se opondo ao que ele denomina historiadores marxistas, os quais também se equivocaram bastante em seus estudos devido à fixação que sentem pelo tema oprimido x opressor.

Este é mais um daqueles muitos livros que deveriam ser leitura obrigatória para qualquer cidadão brasileiro que queira se dizer minimamente crítico.

Mostrando o outro lado (muito provavelmente o lado verdadeiro) de fatos já folclóricos na narrativa histórica que tomou conta das salas de aula e que já se tornou senso comum, Leandro Narloch nos mostra uma série de relatos muito menos glamourosos e heroicos, cuja somatória não encontra dificuldade em conformar-se com o que o Brasil se tornou hoje, um país nada glamouroso e muito menos heroico.

A verdade sempre é desprovida da graça que acompanha a ficção, portanto ler esse livro talvez lhe deixe mais desacreditado ainda do que já deve estar em relação ao que o Brasil se tornou – o país do futuro que já não vê futuro algum pela frente.

 

Pazes com o Brasil

Ler o Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil me deixou em paz com o Brasil.

O que antes me parecia resultado da maldade de alguns vilões, agora soa como resultado natural da própria mentalidade das pessoas, e da mentalidade geral das épocas passadas.

Também a incoerência – que percebemos entre a deplorável política atual e o que supostamente nos deixaram alguns “bons mocinhos” do passado – deixa de existir, porque vemos que de “bons mocinhos” não tinham nada.

De repente tudo se esclareceu, porque causas e efeitos se ajustaram.

Recomendo

Como já comentei aqui: o Brasil já é um país socialista, com pensamento intelectual dominantemente marxista. E uma das ações do marxismo é recontar a história de acordo com o que lhe parece mais conveniente em relação aos seus valores. Mas isso vem mudando aos poucos e Leandro Narloch é aquela voz firme e necessária nesse mar de mentiras que fundamentou nossa história e inunda nossa mídia contemporânea.

Portanto recomendo veementemente todos os livros já escritos por ele.

Conheça também: Guia Politicamente Incorreto da Filosofia de Luiz Felipe Pondé.

 

Comprar o livro Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil

Clique na imagem e seja direcionado à página de vendas do livro:

Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil

Guia Politicamente Incorreto da História do Brasil