Guia Politicamente Incorreto da Filosofia

Guia Politicamente Incorreto da Filosofia

Resenha divulgada

Neste Guia Politicamente Incorreto da Filosofia, o autor, filósofo Luiz Felipe Pondé desbrava, com a ironia costumeira, a história do politicamente correto através do pensamento de grandes filósofos, como Nietzsche, Darwin e o escritor Nelson Rodrigues, entre vários outros.

Este não é um livro sobre a história da filosofia, mas sim um ensaio sobre a filosofia do cotidiano. Dividido por temas bastante populares, a obra aborda assuntos como capitalismo, religião, mulheres, instintos humanos, preconceito, felicidade e covardia.

  • Editora: Leya
  • Autor: Luiz Felipe Pondé
  • Número de páginas: 224

Minha opinião sobre o livro – Guia Politicamente Incorreto da Filosofia

Guia Politicamente Incorreto da Filosofia – Ensaio de Ironia é um livro curto e direto, que li em dois dias (como há muito tempo não acontecia), que trata da realidade das coisas, e não de como elas “deveriam” ser.

Possui alguns excessos pontuais, mas vale a pena ler, como contraponto a essa onda politicamente correta que vem iludindo as pessoas acerca de utopias.

Um ponto que resumiria o livro:

A esquerda política e o pensamento politicamente correto partem do pressuposto de que o ser humano nasce bom, e que a sociedade o corrompe. Seria um pensamento mais idealista.

A direita política e o que se diz como politicamente incorreto partem da ideia de que o ser humano é naturalmente mal e egoísta, mas que se ajusta melhor convivendo em sociedade, e que pode eventualmente vencer a si mesmo e se destacar na sociedade, através de seu esforço, merecendo colher os frutos que por ventura tenha plantado. Este seria um pensamento mais realista, e portanto, pessimista, já que assume que há sim indivíduos melhores que outros, o que é pecado imperdoável para os politicamente corretos, para quem todos têm as mesmas chances de se tornar um gênio como Bill Gates.

Percorrendo vários temas espinhosos, o livro ainda desmascara a farsa do slogan da Revolução Francesa Igualdade, Liberdade e Fraternidade. Há uma tensão natural entre a Liberdade e a Igualdade. Porque numa sociedade livre, onde o indivíduo tem plena possibilidade de criar, haverá uma tendência natural à diferenciação deste em relação ao indivíduo preguiçoso que se acomodou na mediocridade.

Este Guia Politicamente Incorreto da Filosofia bem poderia ser descrito como pílulas de pessimismo. Você não sairá da leitura muito animado, muito embora possa sair, como eu saí, com uma profunda sensação de ter colocado um óculos cujas lentes lhe permitem enxergar o mundo com uma precisão inacreditável.

Comprar o livro Guia Politicamente Incorreto da Filosofia

Escolha sua livraria preferida: Saraiva -> Cultura -> Folha

Guia Politicamente Incorreto da Filosofia

Guia Politicamente Incorreto da Filosofia