Será que o imperialismo não é algo positivo? Não é mais que natural o país que sai na frente dominar, principalmente a cultura, bem como a economia e até a política dos países dominados? Não é que o Brasil seja colônia dos EUA. É que o mundo inteiro é colônia dos EUA. Negar isso é não aceitar a realidade como ela é.

Mas o fim da picada, é o nó-cego discutir anti-imperialismo americano através de computadores e internet, instrumentos advindos justamente do país imperialista. Não é um puta contra-senso? Tem um quê de cuspir no prato em que se come! Se não fosse os EUA e seu 51° Estado, aquele, europeu, com a invenção de computadores, redes, eu simplesmente não teria trabalho hoje. Ou estaria ocupando a vaga de outro.

Enfim, divago…