Belas, sobretudo pela personalidade

Belas, sobretudo pela personalidade

Esse comercial do aparelhinho que faz cachos em cabelos lisos, da Polishop, me deixa revoltado (ui).

Durante ANOS as mulheres viveram a ditadura da chapinha. O liso era a regra.

A mulherada menos crítica é bobinha, acredita, vai na onda, sofre por não ter os cabelos lisos naturalmente e gasta horrores para mantê-los lisos.

Então algum estilista que ninguém conhece, de algum lugar distante, decide que cabelos lisos não servem mais, e começa a dizer que a regra são os cabelos ondulados.

E então vem a Polishop com a seguinte frase:

“Para você que está cansada dos seus cabelos lisos e sem graça, apresentamos o produto tal tal tal”

PERAÍ!

PERAÍ!

Como assim?

Então nesse tempo todo, enquanto a moda era o cabelo liso, as mulheres gastaram para deixarem os cabelos sem graça?

Eu acho que esse tipo de comercial que desqualifica as características naturais das pessoas, e as influencia a sentirem-se inadequadas, deveria ser PROIBIDO.

Espero que as mulheres tenham cada vez mais consciência do quanto são escravas da moda. E que se libertem. A beleza está na naturalidade. É preciso saber usar bem (e cuidar bem) do que se tem, e não tentar ser o que não se é.

Particularmente, mulheres jovens que mantem os cabelos naturais, e mulheres de mais idade que assumem o grisalho ganham meu respeito instantaneamente.

Nem preciso conversar com elas pra saber que estão mandando essa moda mercenária à merda.

Pra você entender bem

O cabelo é seu e você faz com ele o que você quiser. Mas que seja por você, por um estilo próprio, e não influenciada por comerciais ridículos cuja intenção completamente anti-ética é lhe deixar mal consigo mesma, para movê-la a gastar seu dinheiro com eles. Se seus cabeços são lisos, eles não são sem graça. São apenas lisos, e tem uma graça particular, assim como os ondulados e os crespos.