Tira esse batom

Tira esse batom

Beija o guardanapo
Pra tirar esse batom
Pra eu escorregar
nesses lábios, lindos
Dessa boca gostosa
que forma um coração
que me diz sorrindo, sexy
do teu desejo explodindo

Li meu destino
na suavidade da tua palma
da tua mão, que me abraça
o rosto, que me toca
gostoso, com gosto
te saboreio, te relembro
te roubo, em pensamento
te levo, no colo, pra longe

Pr’ali, na minha cama
fugimos, numa transa, dessa trama
sem saída, sem despedida
tão fictícia, amor real
Se desenleia, do lençol
pra me mostrar, tudo de você
de belo, de sensual, de…vagar
vem pra cá, se entregar

Passa de novo, o batom
Recoloca a máscara
da boa menina
Esconde a sujeira
deliciosa, mas não limpa
Vista-se com a inocência
Toma jeito, adoça com juízo
toma tuas coisas, e corre
vem se perder, no paraíso

/ Ronaud Pereira /

***

Veja outros poemas